HOME / COM a Gente / Estudo das Células / Vivendo em Aliança com Deus | Parte 1

Vivendo em Aliança com Deus | Parte 1

PRIMEIRA IGREJA BATISTA DO BRASIL

“2018 – ANO DA INTIMIDADE COM DEUS”

Célula de Multiplicação –  19.08.2018

Tema: Vivendo em Aliança com Deus | Parte 1

Texto:  At. 3:19,25

 

INTRODUÇÃO

Fomos chamados por Deus a viver em aliança com Ele. É impossível caminhar com Jesus sem o entendimento de aliança. Sabemos que algumas das nossas atitudes podem ferir o caráter de Jesus e, como discípulos, não devemos macular nossa aliança com o Senhor. Quando isso acontece, significa infidelidade e agir em desacordo com a Palavra.

1.    ALIANÇA EXIGE FIDELIDADE

Aliança com Deus exige fidelidade. Todo infiel vive em um nível de esterilidade e tem a sua descendência encerrada quando não retorna para os princípios e para o cumprimento da aliança. Em toda a Bíblia, somos instruídos a viver em fidelidade, a proceder corretamente em toda a nossa forma de viver para agradar o coração de Deus. Ele quer que entendamos que nossas atitudes podem nos levar a ficar infrutíferos quando não mudamos. Não importa a hierarquia que possuímos ou qual o nível da liderança que exercemos. A Palavra de Deus é válida para todos, ela é imutável. Se os princípios forem alterados, se a compaixão, a justiça, a retidão, o amor, a fidelidade não forem vividos, vem a esterilidade e a maldição. Precisamos, então, descobrir o que fazer para sermos restituídos e o que fazer para sermos agradáveis ao Pai.

2.   ALEGRANDO O CORAÇÃO DO PAI

Deus quer colocar em nós os Seus sonhos. Ele busca filhos dispostos a não apenas recebê-los, mas realizá-los, vivendo de forma a ser referência de fidelidade para todos. Os filhos fiéis alegram o coração do Pai. Isso não representa deixar de passar por testes, mas demonstrar o nível da fidelidade em cada situação. Quando você estiver em meio ao teste, lembre-se: não existe experiência sem propósito. Deus não é um Deus de coincidência, mas de providência. Nada ficará obscuro, porque aquele que anda em Seus caminhos não fica desamparado jamais. Não haverá pergunta sem resposta para o Todo-Poderoso. Quantas vezes você diz: Senhor, por que isso está acontecendo comigo? Fulano, que é mau caráter, não passa por tantas coisas como eu que Te busco! Hoje Deus quer ensinar-lhe que não precisa você se valer do problema do outro para tentar amenizar a sua dor. A desgraça, a ruína, as maldições que estão sobre os outros não servem de referência para aliviar a dor ou a dificuldade que você está enfrentando. Cada realidade que você enfrenta e tenta justificar no erro ou debilidade do outro, revela apenas que você está enganando-se. Isso não serve sequer para amenizar a sua situação.

.

CONCLUSÃO

Deus quer tratá-lo, quer trazer cura no mais profundo da sua alma, por isso não se engane, não fuja do confronto. A Glória de Deus virá sobre você, removerá tudo que é contrário aos princípios divinos e lhe dará a vitória.